Que versão do Zabbix devo usar em ambiente de produção?

No post anterior, eu mostrei como fazer a instalação do Zabbix 4.4 com SELinux habilidado.

Recebi muitas mensagens (por e-mail e Telegram) sobre esse assunto. Para minha surpresa, muitos leitores do blog questionaram por que eu demonstrei a instalação do Zabbix nessa versão. Digo que fiquei surpreso, justamente porque imaginei que surgiriam mais dúvidas a respeito do uso do SELinux, visto que é normal encontrar conteúdo sobre uso do Zabbix desabilitando o SELinux.

Eu demonstrei a instalação do Zabbix na versão 4.4, pois esta, no momento em que eu escrevi o post, era a versão estável lançada pela Zabbix SIA. Essa versão foi lançada em 7 de outubro de 2019 e atualmente está na release 4.4.1 (28/10/2019).

O motivo do questionamento de alguns leitores foi se deveriam usar essa versão em ambiente de produção, visto que a 4.4 não é uma versão LTS. Foi daí que eu escolhi o título desse post ;).

LTS significa Long Term Support. Ao pé da letra (Suporte de longo prazo).

Neste post vou mencionar não-LTS para a as versões Standard Release, que tem suporte em curto prazo.

Devo usar a versão 4.4 em ambiente de produção?

Depende se é uma nova instalação ou se é um upgrade de versão.

É a minha primeira instalação

Se você estiver na fase inicial de implantação, não vejo problemas de usar a versão 4.4, que é a versão estável. A única restrição nessa etapa é que você terá que planejar uma atualização para a versão 5.0 assim que a mesma for lançada.

– Por que preciso fazer isso? Porque a versão 4.4 não é LTS.

Uma versão não-LTS tem um suporte mais curto. Em um período de seis meses terminará o suporte completo. Isso significa que nesse período a Zabbix SIA se compromete a entregar todas as atualizações para essa versão. Finalizando esse período, essa versão terá mais um mês de suporte, apenas com atualizações de problemas críticos e de segurança. No fim desse período, essa versão será descontinuada e seu uso não é mais recomendado. Foi o que aconteceu recentemente com a versão 4.2

Figura 1: Versões do Zabbix atualmente suportadas.

Mantendo uma versão não-LTS em seu ambiente, você terá que realizar atualizações a cada seis meses. Isso pode ser um grande problema para infraestruturas de TI em grandes empresas.

Figura 2: Ciclo de vida da versão Standard

Já uso Zabbix em ambiente de produção em outra versão

Se você estiver usando uma versão LTS do Zabbix (atualmente a 4.0), não vejo porque correr para atualizar para uma versão não-LTS. Como mostrado na figura 1, uma versão LTS tem suporte mais longo: três anos para suporte total e mais dois anos para suporte limitado. O único revés que eu vejo nesse caso, é que precisa esperar (em média um ano e meio) para ter acesso aos novos recursos.

Figura 3: Ciclo de vida da versão LTS

Se estiver usando uma versão mais antiga, por exemplo, a 3.0 (que também é LTS), deve tomar cuidado com o fim do suporte, que pode acontecer justamente com o lançamento da versão 5.0. Não é regra, mas pode acontecer de não ter suporte para um upgrade direto da versão 3.0 para a versão 5.0. Portanto, se você ainda não atualizou para a 4.0, seria bom planejar essa atualização antes mesmo do lançamento da versão 5.0 e não ficar sem atualizações da versão 3.0. Caso contrário, seu ambiente estará vulnerável.

Dicas

  • Para saber mais detalhes sobre o ciclo de vida das versões do Zabbix, acesse https://www.zabbix.com/life_cycle_and_release_policy.
  • Vale conferir as notas de lançamento que a Zabbix SIA disponiliza, informando sobre novos recursos, melhorias e correção de bugs.
  • A previsão para lançamento do Zabbix 5.0 você também encontra na página de Roadmap do Zabbix. Nessa página você encontrará informações importantes sobre o que está no radar para ser desenvolvido. É um bom local para se preparar para um recurso importante que você quer usar e está em desenvolvimento.
  • Vale a pena ir testando as versões que estão em desenvolvimento e já tem alguns recursos disponíveis em versões RC, Alpha e Beta. Se você pensa em usar tais recursos para aplicar em produção, não correrá o risco de aplicar uma atualização sem ter conhecimento desses novos recursos.
  • Para encontrar as versões que estão atualmente em desenvolvimento, acesse https://www.zabbix.com/developers.

Espero que tenham gostado do assunto. Até o próximo post.

Publicado por Janssen dos Reis Lima

+20 anos de experiência na área de TI. Graduado em Sistemas de Informação pela FeMASS e especialista em Administração em Redes Linux pela UFLA. Apaixonado por tecnologia, procuro sempre me manter atualizado. Já escrevi livro, já plantei árvore e tenho um filho. Possuo certificação em Kubernetes (CKA), Azure (AZ-104) e Zabbix (ZCS e ZCP).

Um comentário em “Que versão do Zabbix devo usar em ambiente de produção?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: